domingo, 28 de março de 2021

Solidão

Tanto silêncio, tamanho espaço, o vazio frio e poucas vezes reconfortante, assim é a solidão, esse castelo para uma só pessoa, as vezes abrigo para não se ferir, muitas vezes sede de nossos martírios, mas solidão não só aprisiona não é cala bolso, as vezes é uma planície um lindo campo aberto e mesmo assim nada te agrada nem te preenche, as vezes é uma multidão fisicamente, mas lá dentro você se sente um cometa vagando no espaço, e os outros corpos celestes estão sempre só de passagem, entendimento mútuo é algo realmente raro, e será sempre assim, muitos sabem quem você é, alguns te conhecem um pouco, e quase todos não passaram se quer do tapete de entrada para o seu eu verdadeiro.
Everton P. Lemos

Tanto silêncio, tamanho espaço, o vazio frio e poucas vezes reconfortante, assim é a solidão, esse castelo para uma só pessoa, as vezes abrigo para não se ferir, muitas vezes sede de nossos martírios, mas solidão não só aprisiona não é cala bolso, as vezes é uma planície um lindo campo aberto e mesmo assim nada te agrada nem te preenche, as vezes é uma multidão fisicamente, mas lá dentro você se sente um cometa vagando no espaço, e os outros corpos celestes estão sempre só de passagem, entendimento mútuo é algo realmente raro, e será sempre assim, muitos sabem quem você é, alguns te conhecem um pouco, e quase todos não passaram se quer do tapete de entrada para o seu eu verdadeiro. Everton P. Lemos